Escolhas não são aleatórias – pessoas escolhem palavras que refletem seu estado mental, sua motivação ou percepção da situação. Olhando as escolhas de cada pessoa, nos diversos níveis da linguagem, podemos determinar suas intenções e motivações subjacentes ao discurso, buscar significados latentes e lhes dar sentido.

Sua utilidade é compreender as motivações não verbalizadas, ou verbalizadas indiretamente: emoções, necessidades e valores. Com isso, determinamos a maneira mais adequada (linguagem, imagens, conteúdo, forma de transmitir) para comunicar-se com o consumidor e gerar identificação, de maneira com que o que for comunicado faça sentido para ele.

Em:

  • Estudos exploratórios
  • Ideation
  • Testes de conceito
  • Testes de propaganda (comercial, anúncio, material promocional)
  • Avaliação e ajuste de material de PDV
  • Avaliação e ajuste de websites
  • Discurso de vendas